Política e Ação
Vereadores se mobilizam contra acidentes na PR-158

Após os constantes acidentes com vítimas fatais na rodovia PR-158, entre Campo Mourão e Peabiru, vereadores dos dois municípios estão mobilizados para cobrar uma solução das autoridades competentes para a redução de ocorrências com mortes no trecho. Apesar de o local possuir boa sinalização, e a via ter sido duplicada recentemente, acidentes são registrados no trecho com frequeência. O último registro aconteceu último sábado (11), envolvendo duas camionetes, causando a morte de um médico de Campo Mourão. Na tarde dessa quinta-feira (16), o vereador de Peabiru, Alaerte Rodrigues dos Santos (PMDB), acompanhado do assessor parlamentar do deputado federal, Alfredo Kaefer, Edson Charles Rui Alves, participou de uma reunião na Câmara de Campo Mourão com os vereadores, Edilson Martins (PR), Jadir Soares (PSDB), Sidney Ronaldo Ribeiro (PR), e Cabo Cruz (PSL), para discutir o assunto. “A preocupação é que muitas vidas estão sendo ceifadas neste trecho”, alertou Alaerte dos Santos.

Pontos críticos

Segundo os vereadores, existem no trecho entre três a quatro pontos críticos para a ocorrência de acidentes. Conforme eles, a ideia é não apontar os culpados, mas sim fazer alguma coisa para evitar os acidentes. “Se existe alta velocidade temos que conter, se existe ponto crítico temos que buscar melhorar”, ressaltaram. “Será que de repente terá que morrer alguém muito importante ou então acontecer um acidente com um número muito grande de vítimas para alguém tomar alguma providência”, questionou. “Isso é o que não queremos”, disse Alaerte.

Audiência pública

A intenção dos vereadores dos dois municípios é promover uma audiência pública na Câmara de Campo Mourão com a empresa Viapar, concessionária responsável pelo trecho, Polícia Rodovia Estadual (PRE), e a sociedade civil organizada, para debater o tema. Segundo o vereador de Campo Mourão, Jadir Soares (PSDB), que faz parte da mesa diretora da Câmara, será encaminhado um ofício em regime de urgência a estas entidades, solicitando uma audiência já para a sexta-feira da próxima semana. Ele apelidou o trecho de “rodovia da morte”. Conforme Pepita, como é mais conhecido o parlamentar, a intenção é também comparecer in loco na rodovia com a Viapar, imprensa e demais autoridades para apontar os pontos críticos da via. “A partir do momento que mostrarmos a realidade a cobrança terá outro peso”, falou. O dia e horário da audiência ainda serão definidos.

TCE aprova contas de Calori de 2014

Boa notícia para o ex-prefeito de Mamborê, Nei Calori (PPS). O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), aprovou as contas dele referente ao exercício de 2014. E sem ressalva. Inicialmente, o Ministério Público apontou divergências de saldos do balanço patrimonial recomendando ressalva, porém o TCE desconsiderou. As contas do ex-prefeito seguem agora para julgamento da Câmara, que irá decidir pela aprovação ou não.

Dito e Escrito

“Não podemos pegar uma pá de pedreiro ou 1 metro de pedra e cimento e ir lá tentar corrigir.”

Alaerte Rodrigues dos Santos (PMDB), vereador de Peabiru, ontem, à TRIBUNA, ao comentar sobre os frequentes acidentes no trecho da PR-158, entre Campo Mourão e Peabiru e que alguma coisa precisa ser feita para evitar as ocorrências.