Região

Agricultor morre após tentar conter incêndio em propriedade

Situação foi registrada na comunidade Água da Abelha.
O Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão foi acionado para fazer o recolhimento do corpo

Uma tragédia foi registrada na comunidade Água da Abelha, na cidade de Luiziana, no início da tarde desta segunda-feira (16). Um agricultor identificado como Arnildo Antônio Saggin, 60 anos, morreu após tentar conter um incêndio em uma área de pastagem.

Conforme apurou a reportagem da TRIBUNA no local do acidente, Saggin era proprietário de um sítio que faz divisa com a área atingida pelo fogo e teria ido ao local de trator para observar se as chamas não haviam se espalhado por sua propriedade.   

Populares informaram que acharam estranho o fogo chegar até o trator, que permaneceu no local. Ao se dirigirem a área para ver o que estava acontecendo se depararam com a vítima caída no chão já em óbito. 

Não se sabe ainda o que causou a morte do agricultor. A suspeita é que ele tenha inalado muita fumaça do incêndio ou então sofrido um mal súbito. A causa da morte será confirmada somente com laudo do Instituto Médico Legal (IML) que esteve no local e recolheu o corpo. 

Uma equipe da Polícia Militar (PM) também esteve no local e acompanhou a situação. O Corpo de Bombeiros de Campo Mourão não foi acionado. O fogo foi rasteiro, atingindo principalmente pastagens do local e arbustos.

Arraste para passar as fotos