Entretenimento

'Castelo Rá-Tim-Bum' ganha versão musical

Mais que um programa de televisão, Castelo Rá-Tim-Bum tornou-se referência nos anos 1990 como produto cultural de excelência, um exemplo de trabalho feito para crianças. Além de lançar personagens que se tornaram conhecidos entre a molecada como Nino, Dr. Victor, Morgana e Dr. Abobrinha, o programa inspirou filme para o cinema, peça teatral, exposição superbadalada e, agora, uma versão musical.

Castelo Rá-Tim-Bum - O Musical vai estrear no dia 9 de setembro, no novo Teatro Opus, recentemente aberto no Shopping Villa-Lobos Haverá ainda duas sessões de pré-estreia, nos dias 2 e 3 de setembro, cujos ingressos já estão à venda. "Não se trata de mais um musical infantil. Preparamos um espetáculo de grande porte voltado a toda família, com efeitos especiais, orquestra ao vivo e uma história inédita", explica Ricardo Marques, produtor do musical e presidente da 4Act Entretenimento. 

O texto foi escrito por Juliano Marceano, a partir da série criada por Cao Hamburger e Flávio de Souza, cujos 90 episódios foram exibidos, entre 1994 e 1997, pela TV Cultura. Para se adaptar ao gênero, músicas e letras foram especialmente criadas por Paulo Ocanha - a direção musical será de Paulo Nogueira e a coordenação-geral será de Léo Rommano.

E, além dos personagens originais, as marionetes queridas do público também estarão presentes no espetáculo, desenvolvidas especialmente para a obra pelas mãos de Jesus Sêda, o mesmo criador dos bonecos do programa televisivo. Para a definição do elenco, foram feitas seleções e Roberto Rocha vai interpretar o jovem Nino, de apenas 300 anos. Já os tios Dr. Victor e Morgana estarão nas mãos de Rodrigo Miallaret e Alessandra Vertamati. Figura carismática do musical brasileiro, Patrick Amstalden será o querido Etevaldo.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.