Campo Mourão

Dia da Saúde Mourãoense atendeu cerca de 3 mil pessoas

Pelo menos 3 mil pessoas foram atendidas com os mais diversos tipos de testes de saúde no sábado em Campo Mourão. A 7ª edição do Dia da Saúde Mourãoense, em frente a Ótica Veneza, responsável pelos testes de acuidade visual, teve a parceria com a secretaria de Saúde do Município e a Faculdade Integrado, proporcionando vários tipos de atendimentos à população.

Muitos moradores de Campo Mourão e até da região aproveitaram a oportunidade, principalmente para avaliar as condições visuais. Longas filas se formaram na praça, mas todos foram atendidos no decorrer do dia. Quem era diagnosticado com problemas na visão era orientado a procurar um oftalmologista. “O balanço foi super positivo e agradeço a Faculdade Integrado que trouxe como grande novidade o atendimento de acupuntura, muito interessante e que chamou a atenção de muita gente”, disse o empresário André Ricardo Christensem, idealizador do Dia da Saúde Visual, há sete anos, mas que com o passar do tempo mudou para Dia da Saúde Mourãoense, por abranger outros tipos de atendimentos à população.

Segundo ele, a maior procura foi pelo teste de acuidade visual. “Tivemos fila durante todo o dia porque as pessoas sabem a importância da visão. Se a pessoa não enxerga direito, como é que vai trabalhar, dirigir, realizar os seus afazeres do dia a dia. Mas enfim, todos os tipos de atendimentos foram importantes pela qualidade de vida e autoestima que proporciona”, afirmou.

A Faculdade Integrado participou da ação com acadêmicos dos cursos de Biomedicina, Estética e Cosmetologia. Quem passou pelo local teve a oportunidade de realizar também testes de pressão arterial, diabetes, testes rápidos de hepatites B e C, Índice de Massa Corporal (IMC), entre outros. Os acadêmicos do Integrado ficaram responsáveis pela parte da acupuntura, massagem corporal e limpeza de pele, contribuindo com a parte da estética.

A professora do curso de Biomedicina da Faculdade Integrado, Amanda de Sá, acompanhou as ações durante o Dia da Saúde Mourãoense, orientando os acadêmicos. Ela demonstrou preocupação com a falta de cuidados com a saúde das pessoas que sofrem de diabetes. “No teste de glicemia constatamos várias pessoas com diabetes e aí perguntávamos se elas tomavam medicamento. Elas diziam que sim, mas a maioria contou que come de tudo, o que demonstra grande desconhecimento sobre a doença. Passamos algumas para outra equipe da Nutrição que os orientou também sobre os riscos que a doença representa se a pessoa não cuidar da alimentação”, disse a professora. A secretaria da Saúde priorizou o atendimento ao público masculino, por conta da campanha Novembro Azul’.