EUA: Presidente da Câmara rejeita discussão fechada sobre relatório de Mueller

A presidente da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, disse a seus colegas de partido que rejeitaria qualquer informação confidencial sobre o relatório do consultor especial Robert Mueller, dizendo que a informação deve ser fornecida ao Congresso de uma forma que permita aos legisladores discuti-lo publicamente.

A informação é de uma pessoa que participou de uma conferência telefônica hoje, e que pediu para que o assunto fosse discutido entre os Democratas em uma sessão fechada.

Segundo a fonte, Pelosi disse aos seus colegas de partido que o povo americano "merece a verdade". Ela disse que rejeitaria uma reunião confidencial entre os principais legisladores e membros do Comitê de Inteligência do Congresso.

Seis presidentes de comissão também participaram da conferência, aumentando a pressão para a divulgação do relatório e dos documentos subjacentes. Mais de 120 democratas da Câmara participaram da teleconferência. Fonte: Associated Press.