Esportes

Fortaleza bate o Ceará e abre vantagem no Cearense; Atlético-GO supera o Goiás

Em um dia de muitas finais nos torneios estaduais do futebol brasileiro, Fortaleza e Atlético-GO abriram vantagem sobre seus arquirrivais Ceará e Goiás neste domingo e estão muito perto da conquista dos campeonatos Cearense e Goiano, respectivamente.

O time do técnico Rogério Ceni fez 2 a 0 em cima do Ceará no Castelão e poderá até perder o jogo de volta por um gol de diferença, marcado para o próximo domingo, que será campeão. O meia Edinho foi o nome da partida, com dois gols. Saiu aplaudido de campo. O clássico foi quente e ainda teve duas expulsões, uma de cada lado - Junior Santos, pelo Fortaleza, e Thiago Carleto, pelo Ceará.

Em Goiânia, a superioridade do Atlético-GO em relação ao Goiás foi ainda maior. Eliminado da Copa do Brasil no meio de semana pelo Santos, o time rubro-negro superou o rival por 3 a 0 e só perderá o título caso seja goleado no duelo de volta por quatro ou mais gols de diferença, ou, então, perca por três gols de desvantagem e seja batido nos pênaltis. Gilsinho abriu o placar, Matheuzinho ampliou e Madson fechou a conta no estádio Olímpico.

Focado na Copa Libertadores, o Athletico-PR, que joga o Campeonato Paranaense com o time todo formado por reservas, foi derrotado por 1 a 0 pelo Toledo no primeiro jogo da final. Fandinho fez nos acréscimos o gol único da partida que dá ao time do interior do Paraná o direito de poder empatar a finalíssima na Arena da Baixada.

Outra decisão que está em aberto é a do Baiano. O Bahia perdia para o Bahia de Feira por 1 a 0 - gol de Bruninho - até os instantes finais e só conseguiu o empate aos 52 minutos. Rogério, que havia entrado no segundo tempo, acertou um bonito chute de primeira e definiu a igualdade. O Bahia de Feira ainda marcou outro gol, quando vencia a partida, mas o VAR, que estreou na competição neste domingo, ajudou o árbitro a anular o lance ao flagrar o impedimento de Jarbas.

Em Pernambuco, o Sport saiu na frente do Náutico ao vencer o arquirrival Náutico fora de casa, nos Aflitos, por 1 a 0. Ezequiel fez o gol que garantiu o triunfo da equipe rubro-negra e quebrou a invencibilidade de 18 jogos do time alvirrubro. Um empate no próximo domingo em casa, na Ilha do Retiro, dará ao Sport seu 42º título estadual.

No Alagoano, quem está em condição de superioridade é o CSA. De volta à Série A do Campeonato Brasileiro, o time derrotou o CRB por 1 a 0. Robinho fez o gol da primeira vitória do CSA sobre seu maior rival no ano e garantiu a vantagem de poder empatar no duelo final, a ser disputado novamente no Rei Pelé, no domingo que vem, mas com mando do CRB desta vez.