Policial

Ladrões assaltaram três pedestres na quarta-feira

Não bastasse a onda de furtos a residências, onde ladrões aproveitam a ausência dos proprietários para arrombar e entrar nos imóveis, agora aumentaram os casos de roubos a pedestres nas ruas de Campo Mourão. De ontem para hoje foram três ocorrências registradas pela Polícia Militar.

Logo pela manhã de quarta-feira, na Rua Mamborê, uma mulher teve o celular roubado por um indivíduo que passou por ela. Um suspeito chegou a ser abordado pela Polícia Militar, porém a vítima não o reconheceu como autor do crime. 

À noite, na Rua Cruzeiro do Oeste, um outro pedestre foi roubado por um homem armado com uma faca enquanto andava nas proximidades de um posto de combustíveis.  Segundo ele, o ladrão levou o celular e dinheiro e fugiu sentido Lar Paraná. 

Já na Avenida Comendador Norberto Marcondes, um rapaz caminhava pela via quando foi abordado por três jovens, um deles armado com uma faca. A vítima foi obrigada a entregar R$ 1 mil, que era todo o dinheiro que levava. Diligências foram realizadas em diversos pontos, mas os autores dos crimes não foram localizados.

A onda de furtos e roubos foi um dos assuntos tratados na reunião mensal do Conselho Municipal de Segurança na noite desta quarta-feira (11). Apesar do número de prisões ter aumentado, especialmente graças a denúncias da população, o próprio comandante do 11º BPM, major Julio Cesar da Rosa, reconhece que o número de furtos é alto para o porte da cidade.