Campo Mourão

Município lança o projeto “Campo Mourão Cidade Natal”; túnel iluminado é a novidade

(Foto: Walter Pereira/Tribuna do Interior)

O município de Campo Mourão lançou na manhã dessa sexta-feira (9) o projeto “Campo Mourão Cidade Natal 2018”, na sede da Associação Comercial e Industrial (Acicam). O evento reuniu empresários, lideranças municipais e políticas, e comunidade em geral. O projeto foi apresentado pela coordenadora executiva da Associação Sou Arte, Edilaine de Castro, entidade responsável pela organização. A programação deste ano será “recheada” de atrações. Para os organizadores, será o Natal mais iluminado da história de Campo Mourão. Uma das novidades será a instalação de um túnel iluminado de cerca de 100 metros na Avenida Capitão Índio Bandeira, entre as ruas Brasil e Harrison José Borges.

“O túnel iluminado é uma expectativa da população e já está causando todo um alvoroço. Será iluminado e decorado e os carros vão passar por baixo. Vai ficar muito lindo”, comentou a coordenadora executiva do Sou Arte. Este ano o município terá também as praças do jardim Lar Paraná, Tropical e São José (na área central) ambientas com decoração natalina para a população.

A programação de Natal na cidade terá um total de 14 dias. Entre os eventos serão realizados dois cortejos, no dia 1º e 22 de dezembro, o último finalizará a programação artística com espetáculos na praça central. Os cortejos serão formados por cerca de 600 participantes, 40 alas, 12 carros alegóricos e um trio elétrico. Cada carro alegórico terá um tema diferente. “Cada um estará contando os valores e o sentimento do espírito de Natal”, frisou Edilaine.

Os carros alegóricos irão desfilar na Avenida Irmãos Pereira, do Clube 10 de Outubro até a praça central da cidade. As alas temáticas serão dançantes e coreografadas, formadas por artistas profissionais, voluntários, alunos das escolas que recebem o projeto Campo Mourão Cidade, entre outros. “Pedimos à população que participe realmente do projeto. É um projeto para todos nós, é uma construção de uma cidade que gostaríamos de ver, mais iluminada, mais abençoada e melhor para todos”, ressaltou Edilaine.

Segundo ela, no dia 3 dezembro será realizado também um espetáculo na praça ambientada do Lar Paraná e no dia 4 na praça do jardim Tropical. Ainda do dia 10 ao dia 21 de dezembro será realizada uma mostra cultural com talentos locais. A ambientação natalina será mantida na cidade até o dia 7 de janeiro. “A nossa expectativa é muito grande, com toda a população participando de todo processo, dos eventos, os empresários decorando as suas fachadas, as suas vitrines, para que a gente possa junto construir este Natal iluminado”, ressaltou a coordenadora do Sou Arte. Segundo ela, a ambientação tem como objetivo trazer pessoas de toda a região para prestigiar a cidade e fazer compras no comércio local.

O prefeito de Campo Mourão, Tauillo Tezelli (PPS) elogiou o projeto, ao destacar o crescimento da programação artística e ambientação natalina em relação ao ano passado. “Entendemos que é um evento que resgata a autoestima, traz a região para Campo Mourão, gera empregos para a cidade e movimenta o comércio, possibilitando o aumento nas vendas de final de ano. Tenho certeza que vamos proporcionar para toda a região um grande evento durante 20 dias praticamente”, disse o gestor.

Segundo ele, o projeto está sendo possível também graças ao apoio dos patrocinadores. “Só estamos fazendo este Natal porque tem um bom projeto, teve a aprovação em Brasília [Lei Rouanet] e dos recursos conseguidos de patrocínio. Se dependesse do município não aconteceria. Mas em função destas parcerias e união entre setor privado e público será o maior Natal que já aconteceu na história de Campo Mourão”, argumentou.

Tezelli acrescentou que como forma de incentivar os lojistas a enfeitarem suas ruas com decoração natalina, o município está disponibilizando a rede elétrica juntamente com a Copel. A iniciativa já acontece há alguns anos na rua São Paulo, onde os comerciantes se uniram, adquiriram enfeites e decoram o trecho durante o período de Natal.

O Município não cobrará pelo serviço, cabendo aos lojistas se organizar e comprar os ornamentos de decoração. Ao final, os empresários do trecho vão ratear a despesa de energia consumida pela decoração. “É importante que os lojistas se envolvam, não adianta a prefeitura fazer a sua parte e o comércio não se preocupar em atrair os seus consumidores”, observou.

O vice-presidente da Associação Comercial e Industrial de Campo Mourão (Acicam), Ben-Hur Berbet, destacou que a decoração natalina na cidade e no comércio por si só atrai os consumidores. “Muitas pessoas da região vêm para Campo Mourão por conta da decoração natalina e acabam gastando no comércio”, disse, ao comentar que os empresários também têm o anseio de enfeitar suas lojas.

Berbet elogiou ainda o projeto da campanha natalina este ano. “Este é um projeto de sucesso. Os carros alegóricos, por exemplo, vão falar da família, da educação e do resgate de valores. Eu tenho certeza que todos apoiam, pois são estes valores que queremos ver representados através da arte”, acrescentou.