Policial

Operação policial fecha 2 “bocas de fumo” e prende 4 em Araruna

Uma operação da Polícia Militar de Araruna em conjunto com o canil de Cianorte, culminou com o fechamento de dois pontos de tráfico de drogas e a prisão de 4 pessoas – dois por tráfico e outros dois usuários. As prisões aconteceram em uma residência na área central da cidade e no jardim Aléssio. Os presos são todos jovens entre 20 a 22 anos. As drogas seriam revendidas na festa de carnaval que acontece no município a partir deste sábado.

De acordo com o subtenente Almir Silva Quichaba, que coordenou a operação, a polícia se deslocou na primeira residência, na área central, para cumprir um mandado de prisão expedido pela Justiça da Comarca contra um rapaz que estaria traficando drogas na região. Durante a ação, os policiais teriam recebido ligações de moradores denunciando outro ponto de tráfico também em uma residência do jardim Aléssio.

Na primeira residência, o proprietário, um rapaz de 22 anos negou a princípio que estaria traficando. Porém os policiais encontraram durante as buscas, 67 porções de maconha, totalizando 300 gramas, escondidas em um latão cheio de terra, no quintal da casa. A droga foi localizada com apoio de um cão farejador, do canil de Cianorte. Um outro rapaz, usuário, também acabou preso.

Já na segunda residência, no jardim Aléssio, as equipes encontraram além de drogas, uma motocicleta com queixa de furto. O veículo estava com o número do chassi suprimido. O proprietário da casa, um rapaz de 20 anos foi preso em flagrante com certa quantia de cocaína e crack. Um segundo jovem, que seria usuário, também foi detido no local.

Conforme a PM, a droga estava escondida em uma embalagem de pó Royal. Foi encontrada também com o acusado a quantia de R$ 260,00 em espécie e uma balança de precisão utilizada para pesagem do entorpecente. O rapaz informou à PM que adquiriu a droga para revender no Carnaval. Diante da situação, os acusados, as drogas e os objetos aprendidos foram encaminhados para delegacia de Polícia Civil de Peabiru.