Região

Produtores recebem orientação sobre agricultura de precisão

O Instituto Emater de Nova Cantu realizou uma reunião prática sobre tecnologia de aplicação de agrotóxicos e agricultura de precisão para cerca de 12 produtores do projeto de grãos e técnicos do Emater da região de Campo Mourão.

O evento foi organizado pelo responsável local do Instituto Emater Luiz Henrique Souza e conduzido pelo extensionista do Instituto Emater de Peabiru, Antonio Eduardo Egydio. Também contou com a presença do Técnico da Secretaria municipal da Agricultura Diego Cardoso dos Santos que estava representando o Secretario da Agricultura José Francisco Pereira. Diego enfatizou a importância da parceria entre Emater, Secretaria da Agricultura e Prefeitura.

O encontro teve como objetivo mostrar a importância de se aplicar os defensivos agrícolas, mas também a interação entre vários fatores determinantes para o sucesso da pulverização como o estágio de desenvolvimento da lavoura, incidência de pragas, doenças e plantas invasoras, produto aplicado, equipamento utilizado e ambiente. “Desta maneira busca-se o controle eficiente, a redução dos custos de produção e um menor risco de contaminação ambiental ou intoxicação”, comentou Egydio.

Durante o encontro foi destacada também a importância da agricultura de precisão que visa o gerenciamento mais detalhado do sistema de produção agrícola como um todo, não somente das aplicações de insumos ou de mapeamentos diversos, mas de todo os processos envolvidos na produção.

A capacitação fez parte da Campanha Plante seu Futuro da Secretaria de Estado da Agricultura e Meio Ambiente – Seab, junto aos seus parceiros, onde a proposta é resgatar as boas práticas agrícolas cuja eficiência já foi comprovada pela pesquisa.