Paraná

Ratinho Junior quer fazer do Paraná o Estado que mais gera empregos no Brasil

(Foto: Rodrigo Félix Leal)

Em encontro com representantes da Força Sindical, Ratinho Junior falou dos investimentos em infraestrutura para atrair empresas para o Paraná e se comprometeu a manter o salário mínimo regional

Como transformar o Paraná em um Estado modelo para o país, especialmente no que diz respeito à geração de emprego. Este e outros questionamentos foram respondidos, na manhã desta segunda-feira, 3, por Ratinho Junior, em um encontro com lideranças da Força Sindical, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba. Para o candidato, os investimentos na infraestrutura dos municípios e a redução da burocracia estatal, previstos no plano de governo, vão contribuir diretamente para a criação de vagas de empregos em todas as regiões do Estado. “Vamos desenvolver um ambiente que seja atraente à instalação de novas empresas no Paraná. Descentralizando os investimentos, criando parques regionais, incentivando a indústria da transformação e dando agilidade aos processos vai ser possível gerar mais emprego no Estado”, explicou.

Ratinho Junior recebeu do presidente do sindicato, Sérgio Butka, documento com sugestões para a construção de políticas que fortaleçam a relação do governo com paranaenses. O líder sindical lembrou também, durante o encontro, de um projeto de autoria do candidato, como deputado, que trouxe benefícios aos trabalhadores. “A Lei que proíbe empresas que recebem incentivo do governo de realizar demissões em massa foi criada pelo Ratinho Junior e impediu que muitos trabalhadores fossem demitidos em momentos de crise”. O presidente do sindicato destacou ainda o perfil do candidato que, de acordo com ele, prioriza o diálogo e o respeito pelo cidadão. “É preciso ouvir o povo. Um governo que não ouve o povo não conseguirá traçar o caminho para um Estado justo. Tenho certeza que o Ratinho Junior abrirá espaço para que os trabalhadores possam buscar seus direitos”, afirmou Butka.