Campo Mourão

TRIBUNA doa acervo fotográfico ao historiador Jair Elias

Cerca de 10 mil fotografias, além de negativos do jornal TRIBUNA do Interior, da década de 1990 até 2004, foram doadas ao historiador mourãoense Jair Elias dos Santos Junior. O acervo registra a história de Campo Mourão, da região e até do Paraná através da cobertura de eventos e imagens que ilustraram divulgações de acontecimentos importantes desse período.

“Só tenho que agradecer à direção do jornal, em especial pela confiança e preocupação em preservar a nossa história”, ressalta o historiador. Segundo ele, o material será classificado e a maior parte doada ao Núcleo de Pesquisas, Cultura e Relações do Poder, do curso de História da Unespar. “Tem também registros da própria história da TRIBUNA, que vamos devolver depois de devidamente catalogado”, disse Jair.

O diretor da TRIBUNA, Nery José Thomé, disse que a decisão de doar o acervo é uma forma de a empresa ajudar a preservar e compartilhar a história da cidade. “Sabemos da responsabilidade e competência do Jair como historiador e esse material, cuja maior parte já foi digitalizado e não tem mais serventia para o jornal, com certeza será muito bem aproveitado por ele”, disse Thomé.

Ele ressalta que com o avanço da tecnologia digital na fotografia, o arquivo de fotos em papel deixou de ser utilizado pelo jornal, mas poderá ser de grande utilidade como fonte de pesquisa. “Ao mesmo tempo aproveitamos para agradecer a todos os funcionários que passaram pelo jornal nesses mais de 50 anos e que contribuíram para a formação desse acervo”, completa o diretor.

Segundo o historiador, inicialmente serão repassados os negativos fotográficos para o grupo de pesquisas da Unespar fazer um trabalho de classificação e organização. “Depois esse material será colocado à disposição da comunidade acadêmica, que é quem mais utiliza para pesquisas”, explica, ao acrescentar que cidades da região que têm museu ou espaço de preservação da história também poderão receber parte do material, caso haja interesse.

Essa não é a primeira ação do historiador na preservação da história por meio da TRIBUNA. Quando comandou o departamento de Cultura da prefeitura de Peabiru, ele também resgatou um arquivo do jornal que havia na cidade. “Existia uma coleção com várias edições da TRIBUNA que estava entulhada em um banheiro. Fizemos uma limpeza e em parceria com a Unespar esses jornais estão em processo de digitalização e foi muito importante para preservar a história de Peabiru e região”, comenta.

“Se não compartilhar a história da cidade ela se perde. Esse material não vai ficar na minha casa. A nossa intenção foi sempre compartilhar com a comunidade”, completa o historiador, que em 2017 também recebeu o acervo do jornal Gazeta do Centro Oeste, que doou ao Museu Municipal Deolindo Mendes Pereira.