Região

Trilha Solidária vai arrecadar alimentos para o Lar Dom Bosco

O município de Peabiru em parceria com UTFPR de Campo Mourão e o grupo “Família Caminhos de Peabiru”, realiza neste domingo (26), uma trilha solidária com a finalidade de arrecadar alimentos ao Lar Dom Bosco de Campo Mourão.

As inscrições podem ser feitas na hora do evento, a partir das 8 horas. A concentração dos caminhantes será na Casa da Cultura de Peabiru. “As pessoas podem chegar e fazer a inscrição na hora já deixando um quilo de alimento”, comentou o diretor de Cultura de Peabiru e coordenador do Projeto Caminhos de Peabiru, Arleto Rocha.

O percurso será de cerca de 9 quilômetros. Como há previsão de frio para o dia do evento, a trilha será mais seca, ou seja, sem passagem por dentro de rios e minas, como costumeiramente é feito pelos trilheiros. Os participantes passarão por sete cachoeiras, nascentes de água e floresta abundante.

“Será a oportunidade de as pessoas contribuírem para uma entidade tão importante como o Lar Dom Bosco e ainda terá um momento especial cuidando da saúde, praticando atividades e conhecendo atrativos lindos do município”, ressaltou Rocha.

Segundo ele, a expectativa é de que o evento reúna um grande público e tenha uma arrecadação considerável de alimentos. Ele lembrou que os produtos doados devem ser não perecíveis, como arroz, feijão, açúcar, óleo de cozinha, leite de caixinha, entre outros. “Quem quiser pode também trazer produtos de limpeza e higiene pessoal”, ressaltou.

Segundo Rocha, todas as trilhas realizadas no município sempre reúnem um bom público de pessoas de Maringá, Cianorte e Campo Mourão. “Nossas trilhas nunca reuniram menos de 100 pessoas”, destacou, ao comentar que este tipo de evento vem crescendo cada vez mais no município. Mais informações podem ser obtidas com Arleto Rocha, no telefone: (44) 9.9975-8280.

O Lar

O Lar Dom Bosco trata mulheres jovens e adultas dependentes químicas em Campo Mourão. Assim como várias outras entidades assistenciais, o Lar passa por sérias dificuldades financeiras. Com uma despesa mensal em torno de R$ 50 mil, a entidade não tem conseguido arrecadar o suficiente para manter as despesas e por isso precisa da ajuda da comunidade.

Fundado em 1991 pela igreja católica com a finalidade de atender menores, em 2003 o Lar foi assumido pela Congregação das Irmãs da Copiosa Redenção para atender dependentes químicas femininas.

Atualmente estão em tratamento cerca de 10 mulheres, entre adolescentes e adultas. O atendimento é prestado por uma equipe de 11 funcionários (incluindo uma pedagoga cedida pelo governo do Estado), além de cinco freiras.

A entidade conta com cinco casas para atendimento, a residência das irmãs e o escritório administrativo. O público atendido necessita de assistência permanente e por isso as irmãs se revezam no trabalho 24 horas por dia.

O Lar Dom Bosco trabalha na recuperação de adolescentes, mães nutriz e adultas. O tratamento completo dura de nove meses a um ano, voltado a reinserir a dependente química ao convívio social. Além do trabalho espiritual, o Lar presta serviços de saúde, educacional e atividades para ocupar o tempo de forma saudável, inclusive com grupos terapêuticos voltados a reintegração.

Serviço

O Lar Dom Bosco fica na rodovia BR 369 - s/n Km 2 (saída de Campo Mourão para Cascavel). Telefone: (44) 3523-8582.