Curiosidades da Saúde
Alimentos que consumimos regularmente podem ser tóxicos

Você sabia que alguns alimentos que comemos regularmente podem fazer mal a saúde?

Atualmente as intoxicações alimentares estão cada vez mais presentes. Essas intoxicações podem causar desde discretos desconfortos gastrointestinais até casos graves de intoxicações. Essas situações podem estar relacionadas ao consumo em excesso ou preparo e armazenamento indevido.

Fizemos uma pesquisa na internet e listamos dez desses alimentos.

1. Mandioca

É um alimento muito popular em nosso país, no entanto, algumas espécies de mandioca possuem em sua composição o ácido cianídrico, que pode causar intoxicação por ingestão. Normalmente a concentração desse ácido é insignificante, porém algumas espécies possuem uma quantidade maior desta toxina. Melhor evitar comer mandioca crua.

2. Castanha de Caju

A toxina da castanha de caju crua é chamada de urushiol. Esta substância pode até ser letal. No entanto, nós consumimos a castanha torrada ou cozida, o que inativa a toxina. É necessária uma grande quantidade de urushiol para ser letal, porém se você pensar em comer a Castanha de Caju crua, ela pode gerar dermatite ou inflamações na pele.

3. Pimenta

A pimenta é interessante. Agrada a alguns e é evitada ao máximo por outros. Apesar de algumas pessoas comerem pimenta com uma freqüência maior, felizmente as pessoas não comem uma prato de pimenta diariamente. Seu consumo exagerado pode causar problemas gástricos e intoxicações.

4. Batatas

As batatas possuem a glicoalcalóide que pode ser tóxica. Felizmente essa toxina está presente em maior concentração no caule e nas folhas. Algumas culturas, diferentes da nossa, comem as folhas da batata que é mais perigoso. Quanto a isso podemos continuar comendo batatinha frita que a toxicidade dela é irrelevante. Se tratando exclusivamente da batata, óleo utilizado na fritura já é outra história.

5. Amêndoas

As amêndoas possuem o cianeto. Para inativar essa toxina é preciso torrar ou cozinhar as amêndoas. As amêndoas mais amargas é que possuem uma concentração maior de cianeto, o seu consumo exagerado é mais perigoso.

6. Cereja

Cereja? Logo a Cereja? Todo mundo gosta de Cereja. Mas a cereja pode liberar ácido cianídrico causando dor de cabeça e vômitos. Mas tenho que evitar até a cereja do bolo? Quanto a isso não precisamos se preocupar, para ser tóxica a quantidade de cereja ingerida tem que ser extremamente alta.

7. Tomate

Assim como a batata, o problema do tomate está no caule e nas folhas. A fruta, sim o tomate é uma fruta, pode ser consumida sem problema. Salvo se o tomate não tiver procedência e cheio de agrotóxicos.

8. Maçã

Maça tóxica? Está parecendo a história da Branca de Neve. As sementes de maçã possuem um nível baixo de cianeto. Diferente da personagem da história infantil, comer uma maça não irá matar ninguém, mas para que se arriscar comendo diariamente uma quantidade exorbitante de semente de maça?

9. Cogumelos

Os cogumelos tudo bem de estarem nessa lista. Alguns são comestíveis, porém como existem milhares de espécies não podemos sair por ai comendo todo cogumelo que encontramos pela frente. Muitas espécies possuem toxinas que certamente irão fazer mal.

10. Baiacu

A história do Baiacu é verdadeira e possivelmente você já ouviu falar dele. Trata-se de um peixe que tem um veneno chamado tetrodoxina. Esse veneno pode causar dormência, pressão alta e paralisia muscular levando a morte. A forma de preparo é o que determina se trata-se de uma iguaria ou de um veneno.

A grande questão desses e de outros alimentos é o exagero. O excesso é determinante para que um alimento que seria saudável se torne nocivo ao corpo humano. Nenhum desses alimentos precisam ser evitados ao extremo, o importante é o cuidado com a forma de preparo e a ingestão adequada.

Fonte: Saúde - Terra