Política e Ação
“Não estou acima da lei”, diz presidente de Câmara denunciado

O presidente da Câmara de Vereadores de Quinta do Sol, Oscar Pereira da Silva (PV), afirmou que como político não está acima da lei. Ele foi denunciado pelo suposto uso da estrutura jurídica do Legislativo para fim particular. A Câmara chegou a criar uma comissão parlamentar de inquérito contra ele, mas foi arquivada. Eu como presidente sempre deixei bem claro que não estou acima da lei, mas sempre a par dela. Então o que está certo, está certo e o errado é errado, falou. Ele disse que fez questão de que a investigação contra ele prosseguisse para esclarecer os fatos. Devia isso à população e a minha família, frisou. A denúncia contra o presidente foi feita pelo ex-vereador Valdir Carlos Fernandes (PSB), sendo arquivada na última semana.

Contas rejeitadas

Falando em Quinta do Sol, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) rejeitou as contas referentes ao exercício de 2015, da Câmara de Vereadores da cidade. O presidente da época era Florival Peres de Marcos Junior (PSC). Para a rejeição, o Tribunal alegou que não houve a comprovação da adequada publicação de Relatórios de Gestão Fiscal. Junior pode recorrer da decisão.

Premiação na Alep

O prefeito de Peabiru, Julio Frare (PR) e o historiador do município, Arléto Rocha, participarão nesta terça-feira (21), de sessão solene na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), para receber premiação referente ao projeto Caminhos de Peabiru: História Cultura, e Turismo, classificado para o 5º Prêmio Gestor Público do Paraná 2017. A premiação será feita às 18 horas. A solenidade será transmitida ao vivo pela TV Assembleia. O projeto foi escolhido entre os melhores de um total de mais de 123 trabalhos de 65 prefeituras apresentados nesta edição do prêmio. Em todo o Paraná, apenas 15 projetos foram premiados. Estamos muito felizes com a premiação. É o nome de Peabiru sendo reconhecido em nível de estado, disse Frare.

Alerta

O prefeito de Engenheiro Beltrão, Rogério Rigueti (PMDB), recebeu alerta de gasto com pessoal do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), referente ao 2º quadrimestre. Segundo o Tribunal, a despesa total com pessoal da prefeitura ultrapassou 51,3% da receita corrente líquida, excedendo 95% do limite estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal. O alerta foi publicado recentemente é feito ao prefeito para que busque o equilíbrio das finanças municipais.

Dito e Escrito

Foi uma denúncia acredito que política para me prejudicar.

Oscar Pereira da Silva (PV), presidente da Câmara de Vereadores de Quinta do Sol, ao comentar, à TRIBUNA, arquivamento de denúncia contra ele.

__

Por Walter Pereira | [email protected]