Sociedade e Desenvolvimento
Uma nova chance

A política não se faz com discursos, festas populares e canções; ela faz-se apenas com sangue e ferro. Otto von Bismarck

Escrevo esse texto exatamente às 20h30 do domingo, dia 28. Há poucos instantes tivemos os resultados das urnas, numa data histórica onde os brasileiros elegeram de forma democrática seu novo presidente.

Não há como não tratar hoje deste assunto, portanto. É o grande momento, esperado por todos os brasileiros nos últimos dias. E porque é tão importante?

Primeiro, porque representa o início de uma nova fase do Brasil. Esperamos que melhor, mas é uma nova etapa. O país vem de um período conturbado, com impeachment, crise econômica, inúmeras denúncias de corrupção, contas públicas esfaceladas, enfim, um sem-fim de problemas. O final do período eleitoral representa a simbologia de fechamento de um ciclo de dificuldades e angústias, e ao mesmo tempo, a esperança de uma melhor fase.

Tivemos um tempo de campanha bem agitado, sem discutir os reais problemas do Brasil (já escrevi sobre isso), e isso elevou ainda mais o sofrimento do brasileiro. Deixamos de avançar em pontos-chave para o nosso desenvolvimento para falar de assuntos de caráter moral, de preconceito, de ameaças, e etc (também já escrevi sobre isso).

Assim, uma certa sensação de alívio surge com a expectativa do novo governo. Precisamos acreditar agora, independente da opção de cada um, de que o Brasil deve trabalhar em conjunto para retomar seu crescimento e sair definitivamente desse momento difícil. Essa motivação renovada deve servir de energia positiva para nos impulsionar a agir, trabalhar, empreender e sermos protagonistas de nossa história.

A armadilha pode ser acreditar que o novo presidente e os novos eleitos no legislativo agora vão resolver tudo. Certamente, a tarefa de retomar o crescimento e fazer as reformas necessárias não será fácil, e a participação da sociedade será imprescindível se quisermos avançar. Fiscalizar, propor, acompanhar, conhecer a realidade serão atribuições de cada cidadão disposto a morar em um país mais justo e competitivo.

Acreditemos nesse novo Brasil que pode nascer. E trabalhemos para que ele cresça e se fortaleça.

Um mês de trabalho duro

Outubro foi para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Campo Mourão um mês de muitas ações.

De 17 a 19, realizamos o Empreende Week 2018, em parceria com o Sebrae, UTFPR e Sindimetal. Um magnífico evento de Ciência, Tecnologia, Inovação e Empreendedorismo que levou cerca de 4mil pessoas ao Parque de Exposições Getúlio Ferrari, e teve momento memoráveis de envolvimento dos jovens mourãoenses com atividades como robótica, lançamento de foguetes, projetos empresariais, palestras, entre outros.

No dia 18, fizemos o lançamento do programa Comendo Bem, em parceria com a UTFPR. Trata-se de um projeto voltado à capacitação e consultorias de boas práticas de manipulação de alimentos, e que na primeira rodada atenderá 8 empresas ou profissionais da área de alimentação.

E no dia 26 lançamos o Geração Empreendedora, em parceria com a ONG Aliança Empreendedora. É um programa para incentivar o empreendedorismo para pessoas entre 18 e 35 anos. Conta com capacitação gratuita, acesso a mentoria e ainda a possibilidade de investimento para o negócio.

___

Carlos Alberto Facco - Secretário de Desenvolvimento Econômico de Campo Mourão | [email protected]