Campo Mourão

Acidente seguido de capotamento deixa mãe e filha feridas na Boiadeira

Vítimas foram socorridas pelo Samu e Corpo de Bombeiros.
Carro em que as vítimas estavam ficou parado às margens da via com as rodas para cima (Foto: João Silvestrin)

Um grave acidente seguido de capotamento na noite desse domingo (12) deixou mãe e filha feridas na rodovia BR-487 (Estrada Boiadeira) próximo ao terminal rodoviário de Campo Mourão. As vítimas são Cristina de Sousa Smolak, 39 anos, que estava no banco do passageiros e sua filha, Camila Smolak, 21, condutora do veículo.

O acidente aconteceu por volta das 19 horas envolvendo um GM/Corsa com placas de Chapecó (Santa Catarina), conduzido por Camila e uma GM/S-10. Apesar de o carro da vitima ter placas de outro estado, as duas são moradoras de Campo Mourão, residem na região do jardim Aeroporto.

Segundo informações colhidas no local pela reportagem, a S-10, com placas de Araruna e Corsa seguiam sentido Tuneiras do Oeste a Campo Mourão. O condutor da caminhonete relatou que ao chegar próximo ao terminal rodoviário, perímetro urbano da cidade, a motorista do Corsa estava na pista da direita e cruzou à sua frente para entrar em uma estrada rural, causando o acidente.

O condutor da caminhonete não conseguiu frear, batendo violentamente no Corsa, que capotou com a força do impacto, parando às margens da via, com as rodas para cima. O carro ficou completamente destruído. As duas ocupantes do veículo ficaram presas às ferragens. Equipes do Corpo de Bombeiros e Samu socorreram as vítimas, que foram encaminhadas à Central Hospital e Santa Casa. O condutor da S-10 saiu ileso do acidente. Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local para fazer o registro da ocorrência.

Segundo informações, a caminhoente estaria com o farol apagado, e por isso a condutora não percebeu o veículo. Ela informou ainda que havia dado sinal de seta que entrearia na estrada rural. De acordo com o sargento do Gorri, do Corpo de Bombeiros, as duas vítimas inspiram cuidados. O tenente Barreto, da Polícia Militar (PM) de Campo Mourão, alertou sobre os riscos de acidentes em trechos de rodovias que passam por perímetros urbanos. Segundo ele, é preciso que os motoristas redobrem os cuidados nesses locais.