Policial

Furtos agitam setor policial em CM e genro e sogro acabam presos em ação criminosa

O setor policial foi agitado nas últimas 24 horas em Campo Mourão. Entre às 7h30 dessa segunda-feira (19) e madrugada desta terça-feira (20), a Polícia Militar (PM) registrou cinco furtos na cidade. O primeiro aconteceu na Avenida Presidente John Kennedy, no Lar Paraná, por volta das 7h30. A vítima informou à polícia que ao chegar em seu estabelecimento comercial encontrou a porta arrombada e percebeu que furtaram do local um Notebook, além de diversos produtos.

Outro furto foi registrado volta das 9h40 dessa segunda-feira (19), na rua Lambari, no jardim Alvorada. A vítima teve a fiação da rede elétrica de sua residência que liga a casa ao poste da rede elétrica, na parte externa, furtada pelos criminosos. A PM realizou buscas pelo bairro, mas não conseguiu encontrar os responsáveis.

Já às 17h45, um senhor, que não teve a identidade divulgada, morador da área central, acionou a polícia após encontrar sua residência arrombada. Ele informou que ao chegar em casa, a janela da sala estava arrombada, tendo vários objetos furtados como uma TV 32 polegadas, um rádio e uma caixa de som, além de diversas moedas antigas.

Genro e sogro presos

O utra situação aconteceu já na madrugada dessa terça-feira (20) por volta da 1h20, na rua Roberto Brzezinski, área central da cidade, mas desta vez os ladrões se deram mal e acabaram presos. O proprietário de um estabelecimento comercial desativado informou à polícia que dois indivíduos tinham invadido o local, que ainda possui alguns objetos.

A PM fez uma varredura no estabelecimento, mas ninguém foi encontrado. Segundo relatos de vizinhos, dois indivíduos, um moreno de camiseta cinza e outro branco de blusa vermelha e calça jeans entraram na empresa e saíram com um objeto que diziam ser parecido com uma extensão. Após encerrado o patrulhamento nas imediações, a equipe se dirigia para a região do jardim Lar Paraná quando houve uma nova solicitação da vítima relatando que nas proximidades foram avistados dois indivíduos com as características repassadas anteriormente.

A equipe se deslocou até a empresa localizando os acusados, mas nada de ilícito foi encontrado com eles. O proprietário informou à polícia que seu estabelecimento havia sido furtado na semana passada e mostrou imagens de segurança da ação com os dois indivíduos praticando o furto. Ao serem questionados, os mesmos confessaram o crime, relatando que seu sogro, também participou da ação e que alguns objetos estariam na casa dele.

Com base nas informações a polícia se deslocou até a residência. A proprietária da casa autorizou as buscas no local. Na residência foram encontrados alguns objetos, inclusive alguns que a vítima nem havia se dado conta que tinham sido furtados, como uma caixa de som com amplificador, uma garrafa térmica, um mixer, uma pistola de cola quente, uma mesa de som e um gravador antigo. Também foram localizados uma besta, lâmpadas de led grandes, uma parafusadeira Bosch e um lavatório.

Outros objetos como um ar condicionado e uma espingarda decorativa já havia sido vendidos pelos ladrões. Diante dos fatos, os autores foram presos e encaminhados à delegacia de Polícia Civil para procedimentos cabíveis.

Ousadia

O outro furto aconteceu também durante essa madrugada, na rua Luciana Marmontel, Jardim Araucária. No local, a vítima, uma senhora relatou que estava em sua residência dormindo quando ouviu um barulho na garagem e logo em seguida o alarme do veículo disparou. Rapidamente ela e o marido foram até a garagem e encontraram o vidro traseiro do lado do motorista do seu veículo Hyundai/HB20 quebrado. Os bandidos subtraíram do interior do carro uma bolsa feminina com documentos pessoais da vítima como a carteira de identidade e CNH. A mulher informou que havia também na bolsa dois cartões de crédito e débito, um do Banco do Brasil e outro da Caixa Econômica Federal, além de uma quantia de dinheiro. A polícia fez buscas pelo bairro, mas não conseguiu localizar os criminosos.