Economia

Índice alemão Ifo de sentimento das empresas avança mais do que o esperado

O índice de sentimento das empresas da Alemanha subiu de 94,3 pontos em agosto - que havia sido o menor nível desde novembro de 2012 - para 94,6 pontos em setembro, segundo pesquisa divulgada hoje pelo instituto alemão Ifo. O resultado superou a expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta marginal do indicador a 94,4 pontos neste mês.

A melhora se deveu ao chamado subíndice de condições atuais, que avançou de 97,4 para 98,5 pontos no mesmo período. Por outro lado, o subíndice de expectativas econômicas do Ifo diminuiu de 91,3 pontos em agosto para 90,8 pontos em setembro, atingindo o menor nível desde junho de 2009 e reforçando temores de que a Alemanha caminha para uma recessão.

A pesquisa mensal do Ifo envolve cerca de 9.000 empresas dos setores de manufatura, serviços, comércio e construção. Com informações da Dow Jones Newswires.